soft skills em marketing

Soft Skills de marketing: 7 habilidades cruciais para profissionais da área

Que o desenvolvimento de habilidades emocionais e comportamentais é fundamental para o crescimento dos profissionais já não é mais segredo.

Mas você sabia que existem soft skills de marketing específicas para alavancar o seu desempenho na área? 

Já parou para pensar que investir no seu processo de adaptabilidade, uma das principais competências requisitadas na área, pode colocar você em uma posição de evidência no mercado?

Conforme o especialista e autor do livro Inteligência Emocional, Daniel Goleman, habilidades como resiliência, empatia, colaboração e comunicação são competências baseadas na inteligência emocional que distinguem profissionais incríveis da maioria. 

Neste artigo, veja quais são as competências e habilidades do profissional de marketing necessárias no mercado e veja o que grandes profissionais da área pensam a respeito. 

O que são soft skills e por que são importantes em marketing?

Diferente das hard skills – habilidades técnicas -, as soft skills são competências que lidam com a interação com os colegas de trabalho ou subordinados. 

De uma forma geral, essas habilidades comportamentais também se relacionam com a capacidade que você tem de trabalhar sob pressão e se adaptar a situações novas ou complexas

Conforme pesquisa da Econsultancy, empresa global de marketing, boa parte dos profissionais sênior ou gestores de marketing valorizam e dão a mesma importância tanto às soft skill, quanto às hard skills. 

Segundo esse relatório, a habilidade mais valorizada é a adaptabilidade ou seja, a capacidade de reagir positivamente e dar respostas diante de novos cenários e transformações, cada vez mais constantes. 

A área de marketing considera que o futuro é móvel e que para fazer parte dele é preciso fomentar uma cultura adaptativa dentro das empresas. 

“O desenvolvimento de competências comportamentais é fundamental para a área profissional. Trata-se da combinação dos conhecimentos, das experiências e dos comportamentos que o indivíduo exerce em um contexto específico”, comenta Ariane Toubia, professora da Athon Ensino Superior na disciplina de Gestão por Competências e Desempenho.

Confira abaixo outras soft skills de marketing essenciais para os profissionais do ramo.

7 soft skills de marketing que você precisa desenvolver

soft-skills-marketing-lista

1) Ter inteligência emocional

Os profissionais de marketing com forte inteligência emocional podem reconhecer o que funciona para um cliente, o que os encanta ou frustra e, finalmente, o que os motiva a fazer a compra. 

No contexto do Marketing, os profissionais emocionalmente inteligentes também terão mais capacidade de se relacionar com os clientes, o que pode contribuir para elaborarem mensagens mais impactantes. 

Vale lembrar que, independente da área, saber lidar com as emoções é fundamental para o seu sucesso e, não menos importante, para a sua saúde mental. 

Se você ainda é novo no assunto, uma dica é ler o livro Inteligência Emocional – A teoria revolucionária que redefine o que é ser inteligente, de Daniel Goleman

Lançada nos EUA em 1995, a obra alterou as práticas de educação e mudou o mundo dos negócios. 

2) Ser um “lifelong learner”

“Só sei que nada sei.”

A frase atribuída a Sócrates nunca foi tão atual.

Ser um eterno aprendiz é uma das dicas mais preciosas para o universo do marketing. 

Além de colocá-lo em uma posição de humildade, afinal você sempre vai reconhecer que precisa aprender mais, esse esquema incentiva com que você não fique para trás. 

O marketing é uma área que exige ritmo acelerado. Buscar conhecimento através de graduações ou especializações e trocar experiências com profissionais inspiradores são iniciativas que podem fazer de você um lifelong learner. 

3) Ser flexível

Conforme relatório da ONU divulgado ainda em 2018, a flexibilidade é uma das principais habilidades que o profissional do futuro deve desenvolver. 

banner mid vestibular

O estudo aponta ainda que quanto mais flexível for o colaborador, mais ele conseguirá enxergar novos padrões e criar associações únicas entre ideias. 

No caso do marketing, essa habilidade é ainda mais exigida já que esses profissionais devem assumir constantemente novas tarefas e responsabilidades em reação às constantes mudanças no mercado. 

A flexibilidade se faz ainda necessária já que esse mesmo profissional pode assumir diferentes papéis ao longo de sua trajetória. Se não houver flexibilidade, as chances de ele estagnar na carreira são grandes. 

4) Ser colaborativo

O profissional de marketing de sucesso apresenta fortes vínculos profissionais com seus colegas. 

Além de compartilhar ideias e pedir sugestões e feedbacks após concluído um projeto, esse colaborador precisa interagir com outras áreas como vendas e design para dar sentido ao seu fazer diário.

A colaboração, portanto, passa a se tornar uma espécie de pré-requisito para esse profissional, já que ele geralmente trabalha em contato com outras pessoas, em jobs como:

  • Colaborar com designers para criar ideias de campanhas para os mais diversos canais;
  • Construir pesquisas com o público-alvo e clientes;
  • Manter contato constante a equipe de vendas para avaliar a qualidade das campanhas de marketing;
  • Desenvolver relacionamento direto com clientes para gerar insights de produtos/serviços.

5) Ser curioso

Os profissionais de marketing curiosos não se concentram apenas nas tarefas pertencentes ao seu escopo de trabalho, mas gostam de se aventurar fora da zona de conforto. 

Nesse sentido, estudam as tendências do setor, observam os concorrentes e frequentemente apresentam as ideias mais recentes ou até exclusivas do mercado. 

O profissional curioso também costuma não ter medo de fazer perguntas. 

Um dos executivos de comunicação da Forbes, William Topaz, afirma que fazer uma pergunta obriga a ouvir uma resposta. Isso mostra interesse e respeito pela outra parte, além de informar e educar sobre você e sobre a outra pessoa. 

Se você não tiver uma pergunta específica a fazer, a dica de Topaz é seguir os 5 Porquês de Sakichi Toyoda, que consiste em perguntar 5 vezes o porquê de um problema ou defeito ter ocorrido a fim de entender sua real causa.

teoria-dos-5-porquês-1
5 Porquês de Sakichi Toyoda

6) Saber ouvir

Pode ser até difícil deixar que algum colega ou gestor conclua algum pensamento seu, mas, acredite, você aprende muito mais ouvindo atentamente.

Segundo outro conselheiro da Forbes, Charlie Riley, ao ouvir (de verdade), você capta nuances e informações que podem afetar a forma como uma estratégia é criada. 

Além disso, a escuta engajada pode mostrar aos outros seu verdadeiro interesse e um nível de respeito que clientes, gestores e colegas respeitam.

7) Ser aberto a ouvir críticas e feedbacks 

Uma das soft skills de marketing mais necessárias no mercado hoje é estar aberto às críticas construtivas. Se esse processo ainda se mostra difícil para você, lembre-se: 

Aqueles que fornecem os comentários estão tentando apenas ajudá-lo a desenvolver o seu projeto. Não leve para o pessoal. 

É importante você perceber que não há progresso nos relacionamentos se você ignorar retornos desconfortáveis. 

Portanto, ouça todas as críticas construtivas de mente aberta e busque encontrar a solução em conjunto com a outra pessoa. Aí está o segredo de uma comunicação forte. 

Comece a desenvolver suas soft skills de marketing

Se você chegou até aqui, certamente percebeu que a combinação soft skills e marketing faz a diferença na vida profissional de quem pretende se desenvolver nessa área.

“Já sabemos que o desenvolvimento de competências comportamentais é fundamental para a área profissional. Trata-se da combinação dos conhecimentos, das experiências e dos comportamentos que o indivíduo exerce em um contexto específico.”, comenta a professora Ariane.

Uma boa forma de dar o pontapé inicial é investir em formações qualificadas que aprofundem os seus conhecimentos no tema, definam seus objetivos profissionais e, claro, desenvolvam as soft skills, sempre relacionando a sala de aula à realidade do mercado.

No MBA Athon os cursos de Design Thinking, Gestão da Comunicação com o Mercado, Gestão de Marketing, Gestão de Vendas e Trade Marketing, Marketing Digital e Marketing Internacional trabalham tanto o planejamento profissional e o conhecimento de área, como as competências comportamentais.

Se você gostou deste artigo, leia também O Que é Neuromarketing: Exemplos + Técnicas e Livros

Quer receber informações sobre inovação e mercado de trabalho?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.