advogado tributário salário

Advogado tributarista: O que faz, Quanto ganha e Carreira

Dentre os ramos de atuação do Direito, existe um cujo foco está nas leis de recolhimento de impostos e o pagamento desses tributos. 

Quem se especializa nessa área recebe a alcunha de Advogado Tributarista

Um profissional focado em assuntos técnicos envolvendo pessoas físicas e jurídicas e sua relação com a Receita Federal e outros órgãos fiscalizadores.

Mas o que faz um advogado tributarista? 

Em linhas gerais, ele ajuda seu cliente a resolver qualquer pendência fiscal e contribui, inclusive, para a missão de enxugar os gastos com impostos. 

Neste artigo, vamos entender mais sobre o advogado tributarista, o que faz esse profissional, qual é a remuneração do mercado e os 3 caminhos para os estudantes de Direito que desejam seguir este ramo. Boa leitura!

O que é e o que faz um advogado tributarista?

O Advogado Tributarista é o profissional formado em Direito que tem como especialização em sua carreira o Direito Tributário. 

Para quem ainda não está familiarizado, o Direito se divide em diversas áreas de atuação, sendo uma delas justamente o Direito Tributário, que é focado nas leis brasileiras que determinam o pagamento de impostos por pessoas físicas e jurídicas. 

Aqui no Brasil, temos uma alta carga tributária e diversos impostos diferentes. 

Órgãos como a Receita Federal e também os governos Municipais, Estaduais e Federal cobram impostos de diferentes formas. 

Nesse caso, o ideal é estar em dia com esses pagamentos para evitar multas, fechamento de empresas e até mesmo prisão.

O papel do advogado tributarista é auxiliar seu cliente em seu posicionamento como contribuinte, fazendo com que não haja abuso fiscal. 

Ao mesmo tempo, esse profissional precisa assegurar que seu cliente esteja em dia com os valores devidos ao Estado. 

A rotina do advogado tributarista

Entre as ações rotineiras de um advogado tributarista, podemos citar: 

  1. Dar auxílio na hora do recolhimento de impostos;
  2. Reunir a documentação necessária para fazer o pagamento de impostos mais complexos e que precisam de comprovações;
  3. Buscar caminhos para reduzir a carga tributária de seus clientes

Tudo isso é feito de uma única maneira: compreendendo a fundo o Direito Tributário e suas normas.

O mercado precisa dos advogados tributaristas?

Para responder essa pergunta, vamos à um exemplo simples:

Todos os anos, boa parte dos brasileiros têm um desafio a resolver: sua declaração de imposto de renda. 

Só quem já fez a declaração sem ajuda de ninguém sabe o quão complexo essa tarefa pode ser. 

E se já é difícil quando se trata de uma declaração simples, imagina quando o pagamento de impostos envolve relatórios de renda, números do balanço de uma empresa e fatores técnicos?

Geralmente, a solução encontrada é o apoio de um contador, porém, quando surgem problemas na área contábil, nada melhor do que contar com um advogado tributarista. 

Ele pode fiscalizar o trabalho do contador e ajudar o cliente a construir uma tese de defesa perante a Justiça, algo que é fundamental para eliminar ou reduzir punições e multas. 

Nunca se esqueça que o pagamento de impostos no Brasil não é só cheio de tributos diferentes, ele é exigente e cheio de detalhes, ainda mais quando esses impostos são direcionados para empresas.

O foco do direito tributário é na parte empresarial, porém, os advogados tributaristas também ajudam em pequenas questões pessoais, tais como correção de declaração de IRPF e defesa de pessoas físicas que caíram na malha fina. 

vestibular athon blog

E aqui fica uma dica final: não é só o mercado que precisa de advogados tributaristas. O Estado também carece desse profissional. 

A Receita Federal, a Secretaria da Fazenda e outros órgãos fazem concursos públicos para selecionar advogados especializados em Direito Tributário para ocupar diversas vagas, que envolvem auditoria fiscal e até representação jurídica em ações tributárias.

Quer saber mais sobre o papel do advogado tributarista? Então, não deixe de conferir este artigo da EBRADI (Escola Brasileira de Direito), que é parceira da ATHON e uma das instituições de pós-graduação mais reconhecidas na formação de advogados especialistas.

Quanto ganha um advogado tributário?

advogado tributarista o que faz

A área tributária tem como atrativo os ganhos potenciais em ações. Imagine que você representa uma empresa e consegue reduzir multas milionárias. 

Seu honorário pode ser muito bom, incluindo bônus de sucesso com altas cifras.

Porém, nem todo profissional vai pegar causas como essa, portanto, vamos focar em salários médios. 

De acordo com a Fipe, a média salarial de um advogado tributarista em início de carreira é de R$ 4,7 mil. 

O valor pode ser maior dependendo da região e, claro, da experiência, porém, é um excelente valor se levarmos em média a remuneração brasileira. 

Quem atua no setor público pode ganhar mais. 

Um Analista Tributário da Receita inicia sua carreira ganhando cerca de R$ 8 mil enquanto um Auditor tem ordenado girando em torno de R$ 14 mil.

Aproveite e leia: 16 Perguntas Sobre a Carreira em Direito 

Carreira do advogado tributário: 3 caminhos a seguir

Especialistas consideram que o Direito Tributário oferece 3 principais caminhos aos advogados tributaristas:

1. Consultivo tributário

Dentro do campo consultivo estão as consultorias e assessorias tributárias. 

Os profissionais que trilham esse caminho trabalham orientando seus clientes e dando apoio para eles cumprirem seus deveres fiscais.

2. Administrativo fiscal

No campo administrativo está a representação de contribuintes perante ações na Justiça. 

O foco é resolver os impasses, defender o cliente de forma administrativa, antes que o problema seja levado para o judiciário.

3. Judicial tributário

No campo judicial atuam os advogados tributários que focam em defender seus clientes perante ações na Justiça que envolvem questões fiscais.

Como ingressar na carreira do Direito tributário?

O caminho para se tornar um advogado tributarista envolve três etapas essenciais:

  1. Graduação em Direito;
  2. Aprovação no Exame da Ordem (OAB);
  3. Pós-Graduação em Direito Tributário.

Assim como acontece com a medicina, o profissional do Direito precisa definir um campo de atuação e fazer uma especialização para aprofundar seus conhecimentos e encontrar uma área profissional mais específica e que ofereça boas oportunidades.

6 dicas para ser um advogado tributarista de sucesso

Para fechar, vamos apresentar dicas rápidas para contribuir com seu objetivo de se especializar na advocacia tributária:

  1. Faça um estudo intenso e proveitoso das matérias do Direito Tributário durante a graduação;
  2. Antes de atuar, reflita sobre qual dos 3 caminhos você deseja seguir;
  3. Procure uma pós-graduação que ofereça uma boa carga de conteúdos e que tenha professores qualificados;
  4. Se aprofunde voluntariamente na compreensão das leis tributárias;
  5. Estude e pratique o português. Ele é indispensável para seu trabalho, seja qual for  a sua especialização;
  6. Busque atualização constante, leia novos conteúdos, entenda as jurisprudências e acompanhe qualquer mudança normativa.

Pensando em fazer Direito?

Agora que você conhece mais a realidade do advogado tributarista e o que ele faz, basta focar nos estudos, desenvolver suas habilidades e, claro, buscar instituições de ensino de renome, como a ATHON, que oferece graduação em Direito, que é o primeiro passo rumo à sua atuação na área tributária.

Aqui você encontra uma formação de alta qualidade, em um modelo de estudos que oferece o conhecimento técnico e prático que você precisa.

Quer saber mais sobre as possibilidades no Direito? Acesse os artigos abaixo:

Juiz: O Que Faz, Quanto Ganha e Como se Tornar Um
Defensor Público: Tudo Sobre a Carreira
Advogado Ambiental: O Que Faz, Salário e as Áreas de Atuação
Advogado Penal: O Que Faz, Quanto Ganha e Oportunidades no Mercado

Quer receber informações sobre inovação e mercado de trabalho?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.